Filme - Godzilla de Gareth Edwards por Raul Arakaki:


Mais uma maratona de filmes no cinema:




Sinopse do filme no Filmow:

Um épico renascimento para o icônico Godzilla da Toho, esta espetacular aventura coloca o monstro mais famoso do mundo contra criaturas malévolas que, sustentadas pela arrogância científica da humanidade, ameaçam nossa própria existência.

Amei. Sempre adorei o personagem e o charme trash que eles apresentavam. Ver que existe no mundo um estúdio que produz filmes onde homens (adultos, por assim dizer) se vestem de monstros gigantes e quebram miniaturas de cartões postais famosos é algo que me traz um grande sorriso no rosto. Sempre gostei. Também fui fã dos Jaspions, Changeman e Ultraman da vida. É um tipo de dramaturgia específica que, aparentemente, só os japoneses conseguem acertar. Sim, eu sei, tem os Power Rangers.. mas para quem assistiu as versões nipônicas sabe que com olhinhos puxados é muito melhor!

Depois de uma incursão desastrada dos americanos com o personagem titular (um filme em que Godzilla era vencido por um táxi), a propriedade voltou para o Japão onde foram produzidos vários filmes que tiveram um bilheteria muito boa. Entretanto mesmo os japoneses erraram e fizeram um filme chamado Final Wars, que enterrou o personagem em todos os continentes.



A Warner Brothers se interessou pela propriedade, que estava barata e disponível, e resolveu arriscar. Mesmo com orçamento apertado chamou um diretor de um filme independente chamado Monsters, que custou a bagatela de 500 mil dólares. Quem olha o orçamento acha que esta é uma grande soma de dinheiro... Mas para padrões de Hollywood, isso não é nada! Fazer um filme em que um casal é ameaçado por monstros gigantes que destroem tudo ao redor por este dinheiro? Um milagre!

O filme era contado de maneira segura e, mesmo tendo sérios problemas de roteiro, era inegável que o diretor, tecnicamente, era mais do que capaz de criar um visual que ultrapassava várias vezes seu orçamento. Já imaginou o que ele faria com Godzilla?

Deram para Gareth um orçamento de 160 milhões de dólares (Você sabe multiplicar? Então faça as contas da diferença hehehe) e liberdade total para fazer o filme que queria e agora temos a nova incursão do lagarto gigante.

E ela é sensacional!



O filme já está tendo um sucesso merecido no mundo inteiro. O que é surpreendente. Além de ter um personagem que era considerado ultrapassado, a produção tem um ritmo mais lento, cheia de mistério, onde o personagem só aparece aos poucos e, ainda por cima, é coadjuvante da produção! Mas existe uma explicação plausível. A primeira hora do filme é entediante quase chata. Os personagens humanos não são ruins mas também não são bem escritos e, mesmo defendidos por atores excelentes, não conseguem cativar o espectador. Não há muitas cenas de ação. Mas o momento em que o monstro surge na tela e começa as cenas de luta com o tal do MUTO... Não há como não se entregar ao cinema pipoca que apresenta!

Gareth Edward mostra ser um ótimo diretor construindo cenas de ação excitantes e um ritmo desenfreado que conquista qualquer um. A última hora do filme é feito de cena de ação atrás de cena de ação com Godzilla e trupe destruindo tudo ao redor. O diretor apresenta uma carga de destruição tão grande que cega a rivalizar com filmes como “Os Vingadores” ou “Homem de Aço”. Aposto que depois desta produção ainda veremos muitos filmes com o personagem. Eu mesmo fiquei com uma vontade imensa de assistir os antigos só para ver um dos meus monstros preferidos em ação. Gojira!

Para este filme... É para isso que foi inventado o 3D!


Para semana que vem..... uma resenha voraz.

            



10 comentários :

  1. Oie!
    Nossa, esse tipo de filme não faz muito meu estilo, mas adorei a dica e fiquei bem curiosa para assistir. Adoreii as imagens, parece ser bem interessante.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nessa. Recomendo que de uma chance e veja em 3d hehehe. Obrigado, Raul

      Excluir
  2. Fiquei com uma certa duvida se iria ver realmente o filme,
    não é um dos meus gêneros preferidos... mas enfim, em
    3d deve ficar bem legal.

    http://talento-feminino.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. Fica muito bom e divertido em 3d. Eu estou pensando seriamente em ver de novo. Obrigado, Raul

      Excluir
  3. Não não não. Tenho pavor do Godzila desde sempre. Não medo, mas pavor porque é ruim demais! Haha haha
    Odeio o cinema quando insiste em regravar as coisas. Poxa, cria novas obras! beijos... volto mais tardre pra ver outros posts!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila! Concordo que precisamos de mais filmes originais mas Godzilla é muito bom! Se vc entrar no clima trash vai se divertir muito hehehe Esperamos vc de volta. Obrigado, Raul

      Excluir
  4. Eu nunca assisti, nem no passado nem agora, rsrs..
    Mas nada contra.

    Abraço!

    Aline Laitarte - www.bomboneca.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline ! Deveria dar uma chance. É divertido para caramba! Obrigado, Raul

      Excluir
  5. Oi Raul, estou muito curiosa para ver este filme *-*
    não gosto de filmes 3D. tenho problema de visão e não me permite assistir filmes assim =/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi novamente Rayme! Mas o filme também é divertido sem o 3D com efeitos especiais muito bem feitos. Vai se divertir. Obrigado, Raul

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...