Lançamentos da Benvirá Editora:


Minha Estrada - Daniel

Com trinta anos de carreira, mais de treze milhões de discos vendidos e tendo vivido tantos altos e baixos, Daniel sentiu que era a hora de contar toda a sua história. Desde a infância em Brotas, passando pela perda de seu grande parceiro até o auge de sua carreira solo. Minha Estrada conta, nos mínimos detalhes, por que Daniel é hoje o príncipe da música brasileira.









Eu Sei o Que Vocês Fizeram no Verão Passado - Lois Duncan

Neste clássico de Lois Duncan, quatro jovens atropelam uma criança de 10 anos e fogem sem prestar socorro. Um ano depois, quando tudo parecia enterrado no passado, um misterioso bilhete traz tudo à tona e ameaça o futuro – e a vida – dos jovens. No bilhete, uma única frase: "Eu Sei o Que Vocês Fizeram no Verão Passado".
Após uma festa, Julie, Helen Ray e Barry se envolvem em um acidente que termina com a morte de uma criança de dez anos. Com medo das conseqüências, os quatro jovens fazem um pacto: não contar a ninguém o que aconteceu naquela noite.
Agora, um ano depois, quando Julie recebe a carta de aceitação da Universidade Smith, recebe também outro envelope, e o conteúdo se revela perturbador. Alguém sabe o que eles fizeram no verão passado. Um a um, eles começam a receber pequenos lembretes daquela noite fatídica: Helen, um anúncio de revista com uma criança andando de bicicleta, e Ray, recortes de jornal da época do acidente.

Quero Ser Vintage - Lindsey Leavitt

Depois de descobrir que foi traída virtualmente, Mallory não pensou duas vezes antes de xingar Jeremy em uma rede social e sumir do mapa. Ela decidiu ser totalmente vintage e viver com sua avó quando era adolescente, nos anos sessenta, época em que as relações iam além da superficialidade das redes sociais.
Mas Mallory não imaginava que viver sem tecnologia seria tão difícil. Como fazer as pesquisas da escola sem internet? Como esquentar um lanche sem a praticidade do micro-ondas? Como falar com as amigas sem mensagens do celular ou e-mail?
“Quero Ser Vintage” apresenta as semelhanças e as diferenças dessas duas épocas de maneira muito divertida, mas o que torna a leitura ainda mais irresistível são inesperadas reviravoltas e as relações entre personagens tão reais.


Setembro


Bloodman: Alma manchada de sangue - Robert Pobi

Jake Cole é um agente do FBI que retorna à sua cidade natal depois de quase trinta anos. Seu pai, com quem nunca teve um bom relacionamento, está cada vez mais imerso no mundo particular criado pelo Alzheimer e segue internado devido a um grave e misterioso acidente. Mas essa não é sua única preocupação.
Em uma casa próxima à de seu pai, são encontrados dois corpos esfolados. Os homicídios com toques de sadismo aterrorizam a cidade, e Jake é o especialista ideal para o caso. Sua frieza e memória excepcional o ajudam a reconstituir os mínimos detalhes e entender os motivos dos assassinatos a partir da observação da cena do crime.
Mas ao mesmo tempo em que procura o assassino e a identidade das vítimas, Jake tenta decifrar os retratos de um homem sem rosto que preenchem o ateliê do pai. Em meio a tudo isso, a cidade se prepara para o Dylan, um furacão categoria 5 jamais registrado nos Estados Unidos. O tempo corre contra o investigador, aparentemente o único que pode desvendar todos esses enigmas.

Decapitados - Leonardo Brasiliense

Em uma pequena cidade de descendentes de imigrantes italianos no interior do Rio Grande do Sul, o desaparecimento de uma relíquia religiosa desestabiliza tanto as instituições quanto as relações interpessoais de toda a população. Aos poucos o caos vai se instalando. E no centro de tudo está o protagonista, o jovem Alexandre, que, sem querer nem saber como chegou até ele, está com o objeto desaparecido, e vê todo o seu futuro ameaçado (assim como o da cidade) por não saber como devolvê-lo.







Na lei ou na marra (1964-1968): Brado retumbante 1 - Paulo Markun

O que levou o Brasil a abandonar a trilha da democracia em março de 1964, sem maiores tumultos? Quais personagens e setores ousaram se opor ao novo regime? Quando e como foi desenhada a face mais dura do regime, que se materializou no ai-5? Durante quatro anos, o jornalista e escritor Paulo Markun, com uma equipe de pesquisadores, perseguiu as respostas para essas perguntas incômodas mas necessárias para entender a nossa história. Em dois volumes de leitura ágil e envolvente, brado retumbante é o mais abrangente painel da história contemporânea do país.






Na lei ou na marra (1964-1968): Brado retumbante 2 - Paulo Markun

Como e por que uma emenda parlamentar de um jovem deputado conseguiu galvanizar multidões, dando origem à primeira campanha de massas da história republicana?
Que outras tentativas de acabar com a ditadura sem a força das armas naufragaram antes que Dante de Oliveira descobrisse a fórmula para atrair os brasileiros para as ruas?
Estas são as perguntas que o jornalista e escritor Paulo Markun busca responder neste segundo volume de brado retumbante, o mais abrangente painel da história contemporânea do país.







Visite a Benvirá: http://www.benvira.com.br




3 comentários :

  1. que forogodó este livro do Daniel causou né? hahaha
    não pretendo ler ele porque não gosto muito de biografias ;x
    OMG, já estou desejando Eu Sei o Que Vocês Fizeram no Verão Passado!!!!!! *-*

    ResponderExcluir
  2. HUm...adoro. Quero ler Decapitados e Eu sei o que você fizeram no verão passado.
    Beijos!
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...