Lançamentos da Companhia Editora Nacional:

Confiram o que a Companhia Editora Nacional preparou para seus leitores:


As infidelidades Diane Brasseur 
Título original: Les fidélités.

Sucesso de crítica e de vendas na França,  em seu primeiro romance, Diane Brasseur explora a traição amorosa sob o ponto de vista de um homem. As Infidelidades mergulha nos sentimentos de um homem que vê sua vida dividida entre a amante duas décadas mais nova, com quem passa as noites em Paris, e a família, que vê nos fins de semana em Marselha. Prestes a viajar com a esposa e a filha adolescente para passar as festas de fim de ano em Nova York, ele se fecha em seu escritório para relembrar o que tem vivido desde que se envolveu com a amante, Alix: a paixão, a sensação de ser mais jovem, a excitação, as descobertas e, sobretudo, a culpa. Analisando em retrospecto sua vida dupla e seu coração dividido, ele avalia com angústia a possibilidade de deixar a esposa ou abandonar a amante. É de forma original que Diane Brasseur consegue tratar da infidelidade nos relacionamentos, tema explosivo e tão atual quanto o próprio amor. Ao final, considera que ao ter duas mulheres é ele quem pode ser o traído da relação.

Autor:

 Diane Brasseur é franco-suíça. Nascida em 1980, ela cresceu em Estrasburgo e fez uma parte da sua escolaridade na Inglaterra. Após os estudos de cinema em Paris, ela se tornou uma autora de roteiros para alguns dos maiores diretores franceses. Ela mora em Paris.
O Tradutor Jaime Bernardes é editor e tradutor. Fundou e dirigiu por vários anos a Editora Nórdica.

A capa A imagem da capa é quadro Before the bath, do artista norte-americano John Nicholson.

***************


Cavaleiros do Zodíaco – Episódio G 20 Masami Kurumada e Megumu Okada

Na série, os Cavaleiros de Ouro devem enfrentar os doze Titãs, discípulos de Cronos, que buscam se vingar dos deuses gregos e dominar a Terra. Aiolia, o cavaleiro de Leão, é o protagonista da história. Após crescer sob a sombra da traição de seu irmão mais velho, ele precisa demonstrar sua força contra poderosos inimigos e conquistar o respeito dos outros Cavaleiros de Ouro. Cavaleiros do Zodíaco – Episódio G é um fenômeno de vendas em todo o mundo. Seu sucesso foi imediato, mais rápido até que o da série original dos Cavaleiros do Zodíaco. A série já foi traduzida para diversos idiomas e publicada em países como Alemanha, Espanha, Itália e França.

Os Autores:

Masami Kurumada Nasceu em Tóquio, em 1953, e iniciou carreira como quadrinista na década de 1970, publicando trabalhos na revista semanal Shonen Jump. Alcançou sucesso mundial uma década mais tarde, quando criou o mangá Cavaleiros do Zodíaco. Para realizar seus trabalhos, busca inspiração em outras culturas e em clássicos da literatura, também incorpora elementos fantásticos e sobrenaturais às narrativas. A maioria de seus trabalhos tem como protagonistas homens corajosos e fortes, o protótipo do herói, que buscam, por mérito próprio, superar adversidades e estão sempre dispostos a se sacrificar para combater injustiças. Megumu Okada Nasceu em Tóquio, em 1971, e publicou seu primeiro mangá de sucesso, Shadow Skill, no início da década de 1990. Dez anos mais tarde foi escolhido para dar vida aos personagens criados por Masami Kurumada, em uma nova série: Cavaleiros do Zodíaco – Episódio G. É reconhecido e admirado pela leveza de seus traços e pela riqueza de detalhes de seus desenhos. Público-alvo: Um dos maiores fenômenos da cultura pop brasileira. Criou uma legião de fãs entre crianças, jovens e adultos, homens e mulheres. Ao longo dos anos, esses fãs mantiveram a grande popularidade da série, seja como desenho animado ou mangá.

***************


DESERTO DE OSSOS Chris Bohjalian

Em 1915, o massacre de milhares de armênios perpetrado pelos turcos tingiu para sempre as areias do deserto sírio com o sangue e os ossos de uma civilização inteira. Em meio a esse cenário desolador, Armen Petrosian, um jovem engenheiro armênio que perdeu a esposa e a filha, e Elizabeth Endicott, uma rica jovem americana, se apaixonam. Mas antes de assumir o que sentem, eles se separam quando Armen se alista no exército britânico e Elizabeth vai trabalhar como voluntária. Ambos testemunharão atrocidades que os marcarão para sempre antes que possam se reencontrar. Quase um século depois, às vésperas do centenário do genocídio, a neta do casal, Laura, embarca em uma jornada pela história de sua família, descobrindo uma história de amor, perda e um delicado segredo que ficou soterrado por gerações.

***************


JOGADAS DE ABERTURA Steven James

Nos livros da série, Patrick Bowers, um agente especial do FBI, impediu a ação dos mais cruéis assassinos seriais já imaginados. Agora Steven James leva o leitor de volta ao passado, para o assustador início da carreira Bowers. Milwaukee, 1997. Em uma cidade ainda assombrada pelos crimes de Jeffrey Dahmer, uma série de terríveis sequestros e mutilações leva as autoridades para um caso nunca antes visto. A polícia acredita que um imitador de Dahmer está à solta. Mas Patrick Bowers, então um investigador de homicídios da polícia, suspeita de que exista algo além do que apenas uma homenagem ao infame canibal. Quando descobre que os crimes assombrosos fazem referência a alguns dos assassinos mais macabros e notórios dos Estados Unidos, a investigação se desenrola em uma espiral de pesadelos, manipulações, brutalidade e terror. Valendo-se de avançadas técnicas de investigação, Bowers precisa desmascarar um assassino que não irá parar até que sua mensagem seja ouvida pelo mundo. Arrepiante, audacioso e cheio de reviravoltas, Jogadas.

***************


SEQUESTRADOS Robert Crais

Elvis Cole e Joe Pike são contratados para encontrar uma garota desaparecida, mas a investigação acaba se transformando em um pesadelo. Cole desaparece e Pike é obrigado a entrar no terrível mundo do tráfico de pessoas para tentar encontrar seu amigo. Mas talvez já seja tarde demais. Emocionante, tocante e intrigante, com alguns dos melhores personagens e a melhor prosa da literatura policial, Sequestrados é prova de que “Crais continua ficando melhor a cada livro” (Publishers Weekly). “Crais consegue deixar o leitor na dúvida o tempo todo com reviravoltas inesperadas e um ritmo alucinante, que faz o leitor sentir como se estivesse bem no meio de um filme de ação.” — Huffington Post

ROBERT CRAIS é autor de quase vinte livros de ficção policial e de inúmeros best-sellers no New York Times; e também já ganhou diversos prêmios literários nos Estados Unidos. Seus títulos mais recentes são The first rule, The sentry e o best-seller no1 Sequestrados.





2 comentários :

  1. Oie
    Cavaleiros do Zodíaco, lembra muito minha infância, queria muito ler este.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Van!
    Gosto muito da editora e os títulos lançados esse mês me interessaram: Cavaleiros do Zodíaco, DESERTO DE OSSOS, JOGADAS DE ABERTURA e SEQUESTRADOS.
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...