Resenha - Primeiras Impressões - Laís R. de Oliveira:



Sinopse:

Primeiras Impressões é uma adaptação moderna do clássico Orgulho e Preconceito de Jane Austen. O romance eterno de Lizzie e do Sr. Darcy é situado desta vez entre paisagens paradisíacas do Brasil e cenários surpreendentes dos Estados Unidos, em um relacionamento complexo entre uma carioca sarcástica e brilhante e um político americano de uma família conservadora.

Leia os dois primeiros capítulos gratuitamente: http://www.mediafire.com/view/oi71edlg1kscvmv


Opinião:

Definitivamente está mais do que provado que "as aparências enganam" e que "a primeira impressão NEM SEMPRE é a que fica"!!! Estas duas frases tão clichês poderiam facilmente definir este livro tão fofo mas, seria um pecado defini-lo assim tão simplesmente, é necessário apontar todas suas qualidades que, podem apostar, são inúmeras.

"Primeiras Impressões" é uma moderna adaptação muito gracinha do renomado clássico Orgulho e Preconceito da também renomada Jane Austen, mas claro que todo mundo conhece não é mesmo, hiuahiua. Aqui temos como protagonista Lizzie Benevides, uma jovem brasileira que estuda nos Estados Unidos onde mora com Jane, sua irmã mais velha e com a melhor amiga Charlotte, as três estão de férias e de volta ao Brasil, mais precisamente em Búzios onde os Benevides comandam a pequena porém conceituada rede de pousadas da família.

Assim que chegam à Pousada, numa festa promovida pela mãe Lizzie e Jane, elas conhecem Charles Bing e Frederick Darcy, dois grandes amigos que vieram ao Brasil acompanhados por Caroline Bing, irmã de Charles. Os três compraram uma ilha particular pois, pretendem estudar a possibilidade de montarem um negócio no país. Charles e Frederick são dois conhecidos playboys que vivem rodeados de mulheres bonitas e se vangloriam de nunca terem perdido a cabeça por nenhuma delas, já Caroline, não esconde a paixão platônica e não correspondida que sente pelo amigo do irmão.

Charles é bem mais acessível e carismático que seu amigo que, mostra-se extremamente arrogante e prepotente. As duas irmãs não ficam indiferentes à beleza da dupla mas, a princípio não lhe dão muita importância porém, Jane à medida que vai convivendo com Charles, percebe-se apaixonada pelo mesmo, assim como ele por ela. Já Lizzie, não simpatiza nada com Frederick e, conforme vai ouvindo histórias sobre ele, mais convicta fica de que o rapaz é só um rostinho bonito, mas que no fundo vale pouca coisa.

Janaína Benevides é a mãe das meninas e, está muito empenhada em casar suas filhas com ótimos partidos, não importa que eles são, o importante é que tenham dinheiro e posição social. Não é uma pessoa de todo ruim, apenas ambiciosa e um tanto fútil, mas amorosa com a família. Assim que ela descobre que Frederick vem de uma família tradicional e está envolvido com política, automaticamente decide que ele é o melhor partido para sua amada mas problemática filha Lizzie, mal sabe ela que nem Lizzie e nem Frederick simpatizaram um com o outro e que eles nem sonham em tal possibilidade, quer dizer, Lizzie nem 'cogita cogitar' a ideia, já Frederick fica assustado quando percebe estar alimentando algum sentimento pela petulante e teimosa menina.

Primeiras Impressões traz a famosa história sob nova perspectiva, com fatos que lembram muito a trama original mas, que são aqui contados por uma visão totalmente modernizada e dotada de novos acontecimentos que só veem acrescentar à trama.

É um livro extremamente leve, a autora usou e abusou do romantismo com uma narrativa repleta de ternura. A leitura flui muito bem, fica fácil se identificar com esta história que, foi tão bem escrita, cheia de detalhes, um mais encantador que o outro e que deixa o leitor ansioso pelo desfecho da história, mesmo com o final mundialmente conhecido, ainda assim, devido às reviravoltas utilizada pela Laís, você se vê presa às páginas de Primeiras Impressões e não consegue largar!!!

 


4 comentários :

  1. Ah eu não conhecia esse, e se falando da Jane Austin é responsa!

    www.byanak.com.br

    ResponderExcluir
  2. Querida Van,

    Linda demais a resenha! E adorei sua foto com o livro! Tenho certeza de que nossa parceria será cada vez maior!

    Beijos,
    Laís

    ResponderExcluir
  3. Ai meu Deus do Céu! Tem como pano de fundo Orgulho e Preconceito??? Ne diz como não ficar curiosa deste jeito? Não tem como né amiga. Lizzie Bennet é uma das personagens favoritas da vida e só de pensar em vê-la nos dias de hoje já me deixa bem curiosa...

    Beijão Laura.

    ResponderExcluir
  4. Van!
    Vou dizer que a Laís foi no mínimo ousada em fazer uma releitura de Orgulho e preconceito, porque é um clássico da Jane Austin e de difícil transcrição.
    E quero parabenizá-la pelo feito.
    Modernização a versão é bem criativo.
    Um final de semana de amor e paz!
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...