(RESENHA) A Força do Destino - Mônica de Castro - Vida e Consciência:



Sinopse:

O que você faria se tivesse a oportunidade de modificar seu passado e, consequentemente, alterar seu futuro? Aproveitaria essa chance e transformaria o pesadelo em sonho, ou ficaria paralisado diante da dúvida e do inevitável?
O tempo é uma infinita sucessão de mistérios e alguns estão bem ao alcance da compreensão de Jaqueline e Alícia. Mas o que essas duas pessoas poderiam ter em comum?
Se você se libertar das limitações da mente racional, que tudo questiona, sem nada compreender, verá que o universo é único e que a ideia de separação é mais uma ilusão criada pela pequenez de nossa mente, para a qual é difícil compreender a grande verdade de que somos todos UM.


Minha Opinião:

Quem é fã dos livros da autora Mônica de Castro levanta a mão!!!! Bem, eu sem dúvida sou e não resisto quando vejo que tem livro dela sendo publicado. Neste em específico, temos duas histórias paralelas porém em tempos históricos diferentes. De um lado está Jaqueline, uma menina que vem sofrendo abusos dentro de casa. De outro lado temos Alícia, jovem arquiteta, casada e de família de posses.


Jaqueline, depois de muito sofrer acaba fugindo do Espírito Santo para o Rio de Janeiro com o irmão mais novo - Mauricio, após um tempo de mais sofrimento ainda, termina por se prostituir e mais adiante por tornar-se amante de um político de péssima índole. Alícia, apesar de ser uma moça bem-sucedida não está imune às tristezas da vida, aliás, dinheiro não garante mesmo felicidade a ninguém. Aos 20 anos ela descobre que teve uma irmã gêmea e isto faz com que várias lembranças do passado retornem, principalmente referentes às visões de uma misteriosa mulher. Junto a isto, entra um novo personagem na história, Tomas, um colega e amigo do pai de Alícia, que transmite uma sensação muito ruim à ela. Alícia não sabe explicar o que acontece, mas ela sente-me muito mal na presença de Tomas. Seu pai sabe do segredo que ela guarda, mas evita a todo custo que a família descubra.


Jaqueline não teve sorte na vida, foi violentada pelo padrasto e repudiada pela própria mãe. Após o falecimento da mãe, os abusos estenderam-se ao irmão e é aí que ela e Maurício fogem, mas como nada poderia ser fácil na vida da menina, para não deixar o irmão passar fome, precisa se prostituir como única forma de sustento que lhe apareceu já que não tinha documentos e nem experiência de trabalho.


Alícia e Jaqueline estão separadas por séculos, mas inexplicavelmente algo as une. Existe uma conexão entre as duas, Jaqueline vivia em 2015 e Alícia em 2219. Elas são basicamente o mesmo espírito que tem agora a oportunidade de se conectar e mudar algo em suas existências, mesmo que as mudanças não sejam drásticas, elas sem dúvida farão com que tornem-se evoluídas e compreendam o significado de palavras como perdão e amor.

  

O ensinamento que tirei deste belo e forte livro foi a de que a verdade sempre vem à tona, nem que para isto passem-se muito anos, ou mesmo muitos séculos, não importa, a verdade é uma só e ela prevalece, acompanha seus personagens onde quer que eles estejam e vai aparecer para derrubar máscaras que ainda que desconhecidas, estão ali e se fazem presentes por algum motivo... Enfim, todo o elogio que eu possa fazer a este livro nunca será suficiente para explicar o quanto a trama é especial e bem escrita e o quanto ela me marcou, sem dúvida mais uma obra prima da autora, se não a melhor de todas!!!

 http://vidaeconsciencia.com.br/

5 comentários :

  1. Oi Nessa!
    Achei o enredo bem forte, mas significativo. Confesso que não tenho costumo de ler livros com temáticas assim, mas achei curioso e fiquei com vontade de saber como termina :D

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi, Van!
    Geralmente eu não leio livros nesse estilo, mas o enredo desse me chamou atenção.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção de aniversário do blog Crônica sem Eira

    ResponderExcluir
  3. Gosto de livros com temas mais impactantes eu sofro junto e me revolto, mas no final dá uma satisfação não é? Eu li um livro chamado "Amor e Redenção" e me senti assim o tempo todo! Gostei da sua resenha e não conhecia a autora, será uma oportunidade de conhece-la através desse livro! Dica anotada!

    Beijos
    Dani Cruz
    blog-emcomum.blogspot.com.br
    Twitter - @blogemcomum / Insta - @blogemcomum / Fanpage Em Comum

    ResponderExcluir
  4. Oie!
    Eu já li alguns dos livros da Mônica, e adoro a narrativa e a emoção que ela transmite nas história. É muito bom!
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  5. Oi Van!!!

    Nossa que trama forte!!! Não li nenhum livro da autora, mas confesso que agora fiquei curiosa!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...