(RESENHA) Obstinação - Wanda A. Canutti - Editora EME:



Sinopse:

Ingrid é um espírito determinado que, na vida, age com paixão em tudo que se dispõe a realizar. Vivendo na Alemanha se dedica inteiramente a sua profissão de enfermeira, cuidando dos pacientes sob sua responsabilidade com extremado zelo, característica de sua personalidade forte e decidida. Nesse cenário, quando explode a primeira guerra mundial, uma grande perda vem abalar profundamente esse coração ousado e destemido que se atira de corpo e alma em tudo que realiza. Incapaz de superar esse episódio, com a mesma determinação e arrojo, Ingrid envereda por um caminho perigoso cometendo atrocidades que culminariam na perda da própria vida. Décadas mais tarde, reencarnada no Brasil após longo período de preparação no mundo espiritual, ela vai ter a chance de cobrir com amor os equívocos do passado. Fortes influências espirituais e assédio constante de companheiros do passado desafiarão sua persistência, pondo à prova seu aprendizado.


Opinião:

Obstinação é o primeiro livro da EME que tenho o prazer de ler e preciso dizer que comecei com o pé direito. Aqui temos a história de Indrid, uma destemida jovem do interior da Alemanha que sempre sonhou morar na capital, estudar e trabalhar, assim como seus irmãos provavelmente fariam já que era normal os filhos homens saírem da casa dos pais para estudar.

A princípio os pais de Ingrid ficam relutantes em deixá-la, ir tanto por ser mulher quanto por não poderem acompanhá-la, pois seria impossível abandonar a propriedade da família. A solução encontrada foi que um dos dois irmãos de nossa protagonista iria residir com ela em Berlim, além de também aproveitar para dar continuidade em seus estudos.


Fred não tem muito interesse em estudar, preferia ter ficado no interior ajudando no comando da propriedade, porém como já desde o início da leitura, sua irmã se mostra extremamente decidida a alcançar seus objetivos, ele decide acompanhá-la, vão então os dois para Berlim, Fred para estudar medicina e Ingrid enfermagem.

No seu primeiro emprego como enfermeira em um hospital, ela é designada a exercer a função de auxiliar do Dr. Gustav. Ingrid chama a atenção de Gustav imediatamente e este não perde tempo em demonstrar o seu interesse, no entanto, Ingrid fica receosa com as atitudes de Gustav, pois, uma hora ele parece querer algo sério, já no momento seguinte a ignora como se nunca houvesse lhe falado em sentimentos, são realmente atitudes contraditórias, mas que acabam por surtir efeito inesperado em Ingrid.


A tão obstinada moça se vê completamente apaixonada por Gustav, na verdade ele vem avaliando se Ingrid se enquadra em seus propósitos de esposa perfeita para um conceituado médico. Como ela é uma moça discreta, de boa família, educada e esforçada, Gustav se convence algum tempo depois de que ela é a mulher perfeita para compartilhar seu futuro.

Ingrid e Gustav já estão casados há alguns anos quando explode a primeira guerra mundial no país. Praticamente todas as famílias tinham algum parente envolvido de alguma forma e não foi diferente com a família da nossa protagonista, seu irmão mais novo acabou morrendo em decorrência da guerra deixando- a desolada e muito revoltada.


É exatamente neste ponto que a trama dá uma guinada e faz com que o leitor perceba como o ser humano é frágil perante as dificuldades impostas pela vida e até mesmo uma pessoa tão obstinada e esclarecida quanto Ingrid pode se deixar levar por pensamentos negativos e acabar agindo de forma tão triste, revoltante e prejudicial não só a ela, mas também a muitas pessoas que cruzavam seu dia a dia. Ingrid tornou-se outra pessoa depois do ocorrido com o irmão e, aos poucos a felicidade do casal vai dando lugar a uma decepção e tristeza profunda e irreversível.


Este livro se dedica a mostrar como até mesmo o ser humano mais bem-intencionado e puro de coração pode sucumbir às influências e terminar por se desviar de sua rota, não conseguindo cumprir sua missão. O livro é magnífico, intenso e nos leva à inevitável reflexão acerca de cada fato ocorrido em nossas vidas. Foi uma leitura surpreendente e que merece nota máxima e a minha total recomendação a vocês!!! Amei Obstinação!

OBS: A diagramação é um show à parte, simplesmente perfeita, desde a capa, o conteúdo e a contracapa, cada detalhe muito bem pensado e feito com carinho. Parabéns Editora EME!


 http://www.editoraeme.com.br/



15 comentários :

  1. Oiee ^^
    Eu ainda não conhecia esse livro. Gosto bastante de histórias que se passam em períodos de guerra, mas essa coisa de espíritos e encarnação não é comigo, não *-* Mas você falou tão bem da história que eu fiquei curiosa para ler, principalmente por saber que a autora conseguiu te surpreender. Dica anotada :)
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tomara que possas ler mesmo, o livro é emocionante!!!

      Excluir
  2. Oii Nessa, bem como tu já sabe, eu sou apaixonada por leituras deste gênero e não posso acreditar que ainda não conhecia o livro e a autora, mas lógico que sua indicação foi mais do que bem recebida e anotada, como eu poderia não querer ler?

    Beijo da Laura.

    ResponderExcluir
  3. Oiii, meu bem, como vai?
    Gente que livro é esse? Fiquei chocada pelo enredo e o tema abordado, realmente despertaram uma emoção no meu coração que me fizeram correr para o site da editora para ver o valor, sua resenha e fotos ficaram lindas.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Morgana, se fores ler depois me diga o que achou viu. Bjss

      Excluir
  4. Oi Van!
    Fiquei muito interessada. Gosto de livros que abordem temas como esse e que sejam emocionantes. Eu tenho ficada cada vez mais apaixonada por livros desse gênero. Ótima resenha!

    Beijos,
    Pri
    vintage.blogspot.com



    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que ficou interessada Pri, leia mesmo viu, o livro é lindo!!

      Excluir
  5. Olá, Van.
    Confesso que não conhecia essa editora ainda. A capa do livro está muito bonita, e gosto de livros que falem da guerra. Mas infelizmente por ser um livro espírita eu não leria. Como sou evangélica e esses livros espíritas sempre falam sobre a doutrina deles, eu prefiro não ler por conflito de interesse.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então sua posição flor, mas se fores dar uma chance ao livro tenho certeza que se surpreenderia. Bjks

      Excluir
  6. Não conhecia o livro e nem a editora. Fiquei de boca aberta com a historia, confesso que dava nada olhando pela capa e tals....olha o julgamento kkkk amei sua resenha, vc conseguiu trazer a mensagem do livro a tona e fiquei curiosa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é de nos deixar de boca aberta mesmo, de lindo que ele é!!!

      Excluir
  7. Não gosto de livros espírita, mas ele parece ser tãããooooo legal! Adorei a resenha, também achei a capa linda.
    Beijos,
    Layane Machado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não só a capa é linda, o livro tmbm é perfeito!!!

      Excluir
  8. Oi Vanessa!

    Não sei se gostei desse trem de o Gustav meio que esperar pra ver se a Ingrid se encaixa nos seus conceitos de mulher perfeita, porque né, não existem pessoas perfeitas. Mas gostei da temática da perda, a gente realmente se transforma de uma hora para a outra quando perdemos alguém importante...

    Beijo!
    http://www.roendolivros.com.br

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...