(Resenha) O Eterno Namorado - Nora Roberts - Editora Arqueiro:


Sinopse:

Tudo o que acontece na vida de Owen Montgomery é meticulosamente organizado em uma planilha ou lista de tarefas. No trabalho não é diferente, e é graças a sua obsessão por ordem que a Pousada Boonsboro está prestes a ser inaugurada – dentro do cronograma.

A única coisa que Owen jamais previu foi o efeito que Avery MacTavish teria sobre ele. A proprietária da pizzaria em frente à pousada sempre foi amiga da família e agora, enquanto vê em primeira mão a fantástica reforma pela qual o lugar está passando, também observa a mudança gradativa de seus sentimentos por Owen.

Os dois foram namorados de infância, e desde então tinham estado bem distantes dos pensamentos um do outro. O desejo que começa a surgir entre eles, porém, não tem nada de inocente e é impossível de ignorar.

Enquanto Owen e Avery decidem se render à paixão e levar seu relacionamento a um nível mais sério, a inauguração da pousada se aproxima e dá a toda a cidade um motivo para comemorar. Mas quando os traumas do passado de Avery batem à porta e a impedem de se entregar, Owen sabe que seu trabalho está longe de terminar. Agora ele precisa convencê-la a baixar a guarda e perceber que aquele que foi seu primeiro amor pode também ser seu eterno namorado.


Opinião:

'O primeiro amor não, esquece!' Vocês até podem achar esta frase extremamente clichê, no entanto na trama de O Eterno Namorado ela não poderia ser mais apropriada, cai como uma luva. Este é o segundo volume da série A Pousada, o primeiro chama-se Um Novo Amanhã e já foi resenhado aqui no blog. Neste segundo livro, o estabelecimento está quase pronto e prestes a ser inaugurado.


Agora temos a oportunidade de acompanhar a reforma da Pousada pelos olhos de Owen, o encarregado pelos detalhes, aquele que vive fazendo planilhas e listas para melhor organização, que tem tudo sob controle, o oposto de Avery, sua namoradinha de infância e dona da pizzaria em frente à Pousada. Avery é workaholic e quer abraçar o mundo, fazer tudo ao mesmo tempo. Muito alegre e simpática, ousada no visual, adora pintar os cabelos com cores extravagantes.

Avery é um tanto extrovertida, mas em relação ao trabalho é tão dedicada quanto Owen, os dois são muito amigos, mas chega um momento em que esta amizade começa a mostrar algo mais escondido ali. À princípio eles ponderam um pouco em assumir o sentimento que vem crescendo, mas não por muito tempo, já que quando Avery era apenas uma menininha ela afirmou que os dois casaríam-se quando fossem adultos.


Claro que por ser uma continuação, a maioria dos personagens do primeiro livro se repetem aqui, mas a mais especial na minha opinião é Elizabeth, a fantasminha bem-humorada que faz as vezes de cupido em relação ao casal Owen e Avery. Não se preocupe se você não gosta de livros com toques de fantasia, aqui nesta série este elemento é bem sutil e bem elaborado, Elizabeth é uma presença querida e agradável, tanto que os demais personagens se dedicam em tentar descobrir quem foi ela e porque ronda o lugar.



Bem, o romance principal foi uma gostosura só, tranquilo e sereno. Nasceu de forma natural e foi crescendo com o tempo, sem atropelos ou grandes dramas - algo bem diferente da maioria dos livros que leio. A narrativa é feita em terceira pessoa e se você quiser apostar direto neste sem ter lido o Um Novo Amanhã, eu acredito que irá 'pegar o fio da meada', mas seria melhor ler na ordem pois, a trama é tão agradável que você não vai querer deixar algo passar. Eu super recomendo!


 http://www.editoraarqueiro.com.br/

5 comentários :

  1. Oi Van!

    Não li o primeiro livro, mas todo mundo só tem elogios para Nora Roberts, tanto que fico curiosa e ainda quero ler. Acho que esse toque de fantasia deve melhorar ainda mais o enredo!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  2. Oi Van,
    Da Nora Roberts só li o primeiro livro da série Mortal e gostei bastante.
    Mas fico com um pé atrás de ler os romances por medo ser muito "açucarado", sabe?
    Bom saber que o romance do casal surge de forma natural e sem atropelos. Não consigo levar a sério aqueles romances que surgem da noite para o dia.
    Abraço,
    Alê
    www.alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Eu sou completamente apaixonada por romances então é claro, que eu adoraria ler esse livro. Amei a dica e já anotei na listinha de livros para ler em breve.
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com/2016/08/top-5-aberturas-das-minhas-series.html

    ResponderExcluir
  4. oie!
    Eu comprei o livro e ele está aqui na pilha para leitura, espero começar em breve. Gosto da Nora, mas gosto ainda mais quando tem um pouco mais de drama no romance rsrs
    bjks!

    ResponderExcluir
  5. Van, já tem um tempo que estou com vontade de ler os livros da Nora Roberts e sua resenha só me deixou ainda mais curiosa. Eu gosto de leituras tranquilas, ainda mais se for romance.

    Beijos,
    Pri
    www.vintagepri.com.br

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...